NOTÍCIAS

Fiscalização constata irregularidades e interdita ferro-velho na Vila Barão

 

A “Operação Ferro-velho” desta sexta-feira (20) autuou dois estabelecimentos na Vila Barão, Zona Oeste da cidade, sendo que um deles foi interditado temporariamente, devido à constatação de comércio de materiais sem comprovação de procedência. No mesmo local, ainda foram identificados objetos suspeitos de receptação e o caso está sendo apresentado à Polícia Civil, para investigação. Em ambos os endereços, foi observada a presença de recipientes com água parada, potenciais criadouros do mosquito transmissor de várias doenças, como a dengue.

A ação foi coordenada pela Secretaria do Gabinete Central da Prefeitura de Sorocaba e contou com a participação de oito guardas civis municipais (GCMs), quatro policiais militares (PMs) e seis agentes municipais dos setores de Fiscalização, da Secretaria de Urbanismo e Licenciamento (Seurb); da Zoonoses, da Secretaria da Saúde (SES); e da Secretaria de Serviços Públicos e Obras (Serpo).

A interdição temporária foi feita pelos agentes de Fiscalização de Posturas. O ferro-velho só poderá voltar a funcionar, quando regularizar a situação legal do negócio, pois operava sem notas fiscais e livro contábil para discriminar compras e vendas de materiais.

No local, foi encontrada uma tampa de bueiro e tubulações que pertencem ao Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae). O caso está sendo apresentado no 4º Distrito Policial, para registro da ocorrência, assim como os materiais recolhidos e o proprietário do ferro-velho, para prestar depoimento.

Já, a equipe da Zoonoses autuou os dois ferros-velhos por depósito irregular de materiais e constatação de acúmulo de água parada. Ambos os empreendimentos terão que regularizar as situações identificadas.

Desde o início deste mês de maio, a “Operação Ferro-velho” tem sido realizada de forma contínua em Sorocaba, em caráter preventivo, para inibir casos de receptação de materiais sem procedência, assim como checar denúncias e identificar possíveis ocorrências nos âmbitos criminal e administrativo.