NOTÍCIAS

Prefeitura de Sorocaba realiza força-tarefa do programa “HumanizAção” em pontos estratégicos da cidade

 

Ações acontecem na Praça Coronel Fernando Prestes, na Rodoviária, nos arredores da Ponte de Pinheiros, do Mercado Municipal e da unidade da Ceagesp, bem como ao longo da Avenida General Carneiro, em área no Parque das Laranjeiras e em mais 13 pontos identificados pela iniciativa.

 

A Prefeitura de Sorocaba deu início, nesta quinta-feira (14), a uma força-tarefa do programa “Humanização”. Pelos próximos 30 dias, a operação integrada da Administração Municipal vai percorrer pontos estratégicos da cidade, conforme identificados em levantamento realizado durante as ações das Barreiras Humanitárias.

Nessas diligências, serão priorizadas frentes de assistência a dependentes químicos e pessoas em situações de rua, bem como no âmbito da segurança pública, para inibir casos de furto e receptação.

Na tarde desta quinta-feira (14), equipes da Secretaria da Cidadania (Secid) e do Serviço de Obras Sociais (SOS), com o apoio da Guarda Civil Municipal e da Secretaria de Serviços Públicos e Obras (Serpo), estiveram na Praça Coronel Fernando Prestes, na Rodoviária, nos arredores da Ponte de Pinheiros, do Mercado Municipal e da unidade da Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (Ceagesp) em Sorocaba, bem como ao longo da Avenida General Carneiro, este último local onde a ação foi ainda mais reforçada.

Também ao longo desta quinta-feira, equipes estiveram em uma área no Parque das Laranjeiras, na Zona Norte da cidade, identificada como ponto de consumo de drogas. No local, foram identificadas 12 pessoas, sendo duas pessoas em situação de rua e que aceitaram acolhimento. As demais eram usuárias de drogas. Todas foram orientadas, assim como foi oferecido apoio para o tratamento da dependência química. Houve, ainda, a retirada de inservíveis abandonados nesses locais, em quantidade suficiente para lotar um caminhão.

Os trabalhos do programa “HumanizAção” prosseguirão durante o período noturno, com assistência social a moradores em situação de rua, sobretudo por meio da oferta de serviços essenciais, tais como: alimentação completa, banho quente, cuidados de higiene, roupas limpas e pernoite no SOS. Esse trabalho é feito diariamente, inclusive nos fins de semana e feriados.

Já, nesta sexta-feira (15), as diligências ocorrerão já a partir das 9h, com atividades também em outros 13 pontos da cidade, definidos igualmente com base nas informações do levantamento obtido a partir da entrevista com 461 pessoas atendidas nas Barreiras Humanitárias, no período de 10 de junho a 10 de julho. As ações contarão, ainda, com o apoio das Secretarias da Saúde, de Segurança Urbana (Sesu) e da Urbes – Trânsito e Transportes.

“Todas as regiões do município serão abrangidas pelas ações dessa operação. Vamos priorizar, inclusive, principais avenidas e locais de chegada, em Sorocaba, de pessoas em situação de rua vindas de outras cidades”, explicou o secretário do Gabinete Central da Prefeitura de Sorocaba, João Alberto Corrêa Maia, que integra o projeto “Humanização”. Ele detalha que, conforme constatado pelo levantamento, 65,3% das pessoas em situação de rua são oriundas de outras cidades ou Estados, sendo em torno de 13% especificamente da capital de São Paulo, e 4,54% de Sorocaba.

Fotos: Renata Giron – Secom